- 5790FBE8A27AC0FA6FCB89065534CF70

Gestão de Segurança Privada: Desvende os segredos da gerencia eficiente da segurança

Entenda a Gestão de Segurança Privada: Descubra Estratégias e Práticas Essenciais para o Gerenciamento Eficaz e Eficiente das Operações de Segurança Privada.

A Gestão de Segurança Privada é o conjunto de estratégias e práticas destinadas a gerenciar as atividades de segurança privada em uma organização. Esta disciplina abrange os processos de planejamento, organização, liderança e controle, abordando aspectos humanos, físicos, tecnológicos e legais para garantir um ambiente seguro para indivíduos e ativos.

A segurança é uma preocupação central em nossas vidas cotidianas e nos negócios que conduzimos. Em um mundo em constante evolução, onde riscos e ameaças podem surgir a qualquer momento, a Gestão de Segurança Privada desempenha um papel fundamental na proteção de pessoas, propriedades, bens e valores.

A Gestão de Segurança Privada envolve uma série de atividades e responsabilidades que buscam planejar, organizar, coordenar e supervisionar todas as medidas relacionadas à segurança interna de uma empresa ou os serviços de segurança privada oferecidos por empresas especializadas.

Este artigo aborda as principais definições e conceitos da Gestão de Segurança Privada, explorando sua aplicação, funções, meios e estratégias utilizadas, bem como sua crescente importância para o funcionamento eficaz das operações de segurança privada.

Por José Sergio Marcondes – Postado 16/11/2015 atualizado 21/09/2023

Definição de Segurança Privada

A segurança privada engloba as atividades desempenhadas por empresas privadas devidamente autorizadas pela Polícia Federal, com o propósito de proteger pessoas, áreas, instalações, numerários, valores e bens, em conformidade com os requisitos legais estabelecidos.

Os serviços de segurança privada podem ser prestados por empresas especializadas ou por empresas que possuam serviço orgânico de segurança privada, neste último caso, para uso próprio.

As atividades de segurança privada são diversas e abrangem diferentes áreas da segurança. Para fins legais, essas atividades são agrupadas em quatro categorias principais: vigilância patrimonial, transporte de valores, segurança pessoal e escolta armada.

A legislação que regula a segurança privada no Brasil é principalmente composta pela Lei Federal nº 7.102/1983, que estabelece as normas para o funcionamento das atividades de segurança privada. Além disso, a regulamentação dessa lei é detalhada no Decreto Federal nº 89.056/1983 e nas portarias emitidas pela Polícia Federal, como a Portaria Nº 18.045/2023.

O profissional responsável pela Gestão de Segurança Privada é conhecido como Gestor de Segurança Privada. Este profissional desempenha um papel crítico na coordenação e implementação das medidas de segurança necessárias para proteger pessoas, valores, bens e instalações.

O que é Gestão de Segurança Privada?

A Gestão de Segurança Privada pode ser definida como o conjunto de estratégias e práticas que visam gerenciar as atividades de segurança privada em uma organização. Esta disciplina abrange os processos de planejamento, organização, liderança e controle, tratando de aspectos humanos, físicos, tecnológicos e legais para assegurar um ambiente seguro para indivíduos e ativos.

Essa área é de extrema importância, envolvendo a coordenação, supervisão e planejamento de atividades de segurança privada para proteger pessoas, propriedades, bens e valores contra riscos, ameaças e ocorrências de segurança que possam comprometer sua integridade, funcionamento ou reputação.

O principal objetivo da Gestão de Segurança Privada é garantir a proteção de pessoas, áreas, instalações, bens e valores, contra uma variedade de riscos e ameaças, criando um ambiente seguro e confiável.

A Gestão da Segurança Privada é um campo complexo que requer conhecimento técnico, adquiridas em cursos de formação e experiência comprovada. Muitas organizações consideram a contratação de gestores ou consultores especializados para essa função, garantindo que as medidas e soluções de segurança relacionadas à gestão sejam eficazes e atualizadas.

Para que serve a Gestão de Segurança Privada?

A Gestão de Segurança Privada serve para gerenciar as atividades voltadas para proteger pessoas, bens, valores e a continuidade das operações de uma organização, promovendo um ambiente seguro e confiável para todos os envolvidos e minimizando riscos e ameaças. Ela desempenha um papel fundamental em várias áreas e setores, servindo para uma variedade de propósitos essenciais, todos voltados para proteger pessoas, numerários, bens e valores.

Qual a Importância da Gestão de Segurança Privada?

A Gestão de Segurança Privada é essencial e traz vários benefícios, para o sucesso de qualquer serviço de segurança privada, independentemente do seu tamanho, segmento ou setor de atuação. Ela é responsável por garantir que os recursos disponíveis sejam utilizados de forma eficiente e eficaz, a fim de atingir os objetivos de segurança.

Os principais benefícios são:

  1. Melhoria da eficiência e da produtividade: Ajuda a identificar e eliminar desperdícios, otimizando os processos e aumentando a produtividade.
  2. Melhoria da qualidade: Ajuda a estabelecer padrões de qualidade e garantir que os serviços de segurança oferecidos atendam às expectativas dos clientes.
  3. Redução de riscos: Ajuda a identificar e mitigar riscos, prevenindo prejuízos para a organização.
  4. Melhoria do clima organizacional: Ajuda a criar um ambiente de trabalho mais positivo e produtivo, valorizando os colaboradores e promovendo o seu desenvolvimento.

Onde se aplica?

A Gestão de Segurança Privada se aplica em uma ampla variedade de contextos e setores, especialmente onde há a necessidade de proteger pessoas, bens e valores por meio de serviços de segurança privada. A seguir algumas das principais áreas onde ela é aplicada:

  • Empresas e Indústrias.
  • Instituições Financeiras.
  • Comércio e Varejo.
  • Setor da Saúde.
  • Eventos e Entretenimento.
  • Empresas de Transporte e Logística.
  • Condomínios Residências e Comerciais.
  • Setor Hoteleiro.

Quais são as Funções da Gestão de Segurança Privada?

A Gestão de Segurança Privada, assim como qualquer forma de gestão, envolve as funções clássicas de planejamento, organização, liderança e controle. Essas funções são essenciais para garantir que as medidas de segurança sejam eficazes e eficientes.

  1. Planejamento – envolve: avaliação de riscos; definição de objetivos; elaboração de estratégias e programas de segurança; e alocação de recursos.
  2. Organização – envolve: definição de uma estrutura de segurança; definição de funções e responsabilidades; contratação e treinamento de pessoal; implementação de tecnologias de segurança; elaboração de políticas de segurança.
  3. Liderança – envolve: motivação da equipe; comunicação eficaz; e tomada de decisões.
  4. Controle – envolve: monitoramento de desempenho: avaliações contínuos das medidas de segurança; auditorias de segurança; resposta a incidentes; feedback e ajustes.

Essas funções são interdependentes e interligadas, garantindo que as medidas de segurança sejam planejadas, implementadas, monitoradas e aprimoradas de forma eficaz para proteger pessoas, bens e valores.

Gestão de Segurança Privada

O que faz a Gestão de Segurança Privada?

A segui algumas das principais funções e atividades que a Gestão de Segurança Privada desempenha:

  1. Avaliação de Riscos: Identificação e avaliação de riscos que podem afetar a segurança da organização e das pessoas.
  2. Elaboração de Programas de Segurança: Desenvolvimento de programas de segurança personalizados, incluindo políticas, procedimentos e estratégias para mitigar os riscos identificados.
  3. Gestão de Recursos Humanos: Contratação, treinamento e supervisão de pessoal de segurança.
  4. Gestão de Tecnologia de Segurança: Implementação e gestão de tecnologias de segurança, como sistemas de vigilância por vídeo, alarmes, controle de acesso e sistemas de comunicação.
  5. Gestão de Requisitos Legal e Regulatório: Garantia de que a organização ou os serviços de segurança privada estejam em conformidade com as legislações sobre segurança privada.
  6. Gerenciamento de Crises: Desenvolvimento de planos de resposta a incidentes e coordenação eficaz durante situações de crise, como invasões, assaltos ou desastres naturais.
  7. Promoção de Cultura de Segurança: Educação contínua dos funcionários sobre medidas de segurança e promoção de uma cultura de segurança na organização.
  8. Avaliação de Desempenho: Monitoramento constante das soluções de segurança para avaliar sua eficácia e eficiência.
  9. Melhoria Contínua: Identificação de áreas de melhoria na segurança e implementação de ajustes e melhorias nos planos e procedimentos.
  10. Gerenciamento de Documentação: Manutenção de registros precisos relacionados à segurança, como relatórios de ocorrências, registros de treinamento e políticas de segurança.

Meios utilizados na Gestão de Segurança Privada

A Gestão de Segurança Privada utiliza uma variedade de meios e recursos para alcançar seus objetivos de proteger pessoas, bens e valores. Esses meios são combinados de forma estratégica, formando um sistema integrado de segurança, para criar um ambiente seguro e protegido. A seguir os principais meios utilizados:

  1. Recursos Humanos: Inclui vigilantes, supervisores de segurança e gerentes de segurança e outros profissionais, que desempenham um papel fundamental na implementação das medidas de segurança.
  2. Tecnologia de Segurança: Uso de sistemas eletrônicos de segurança, CFTV, alarmes, controles de acesso, sensores de movimento, sistemas de comunicação e monitoramento remoto.
  3. Programas de Segurança: Desenvolvimento de políticas de segurança, procedimentos operacionais padrão e planos de segurança que orientam o comportamento e as ações dos funcionários em relação à segurança.
  4. Treinamento e Educação: Treinamento contínuo para funcionários sobre práticas seguras, procedimentos de emergência e conscientização sobre segurança.
  5. Inteligência de Segurança: Coleta e análise de informações de inteligência para antecipar ameaças e tomar medidas preventivas.
  6. Parcerias com Autoridades Locais: Colaboração com as autoridades de segurança pública para uma resposta coordenada a incidentes.

Esses meios são utilizados de forma integrada e adaptada às necessidades específicas de cada organização ou contexto, com o objetivo de criar um ambiente seguro e protegido contra uma ampla gama de ameaças e riscos.

O que é preciso para atuar na Gestão de Segurança Privada?

Os requisitos para atuar nessa área podem variar de uma organização para outra. A seguir os requisitos gerais mais comuns:

  1. Formação Acadêmica: Geralmente, é necessário ter pelo menos um diploma de ensino superior em um campo relacionado à gestão de segurança privada.
  2. Experiência Prévia: Muitas posições de gestão requerem experiência prévia em funções de segurança e de liderança. A quantidade de experiência necessária pode variar de acordo com o cargo e a organização.
  3. Certificações: Algumas organizações dão preferência para os profissionais de segurança privada detentores de Certificações específicas para exercer a profissão, a obtenção dessas certificações geralmente envolve a aprovação em exames específicos.
  4. Verificação de Antecedentes: A maioria das organizações exige verificações de antecedentes rigorosas para seus funcionários, incluindo investigação de histórico criminal, referências e verificação de histórico de emprego.
  5. Competência Profissional: É importante possuir competências gerenciais e competências técnicas sobre a área da segurança que pretende gerenciar, que podem ser adquiridas por meio de cursos e práticas diárias.

Quais são os Cursos na Área da Gestão de Segurança Privada?

Na área da Gestão de Segurança Privada, existem diversos cursos e programas de qualificação que oferecem conhecimentos e habilidades necessários para atuar eficazmente no gerenciamento de segurança. Esses cursos são projetados para preparar profissionais para enfrentar os desafios relacionados à segurança de pessoas, áreas, instalações e valores.

O Curso Superior em Gestão de Segurança Privada tem como principal objetivo a formação qualificada de gestores de segurança capazes de conduzir com eficácia e eficiência o processo de gestão dos serviços de segurança privada nas organizações.

Atualmente, diversas universidades e faculdades no Brasil oferecem cursos de nível superior, tanto de Graduação quanto de Pós-Graduação, na área da Segurança Privada.

A. Curso de Graduação em Gestão de Segurança Privada

O Curso de Graduação em Gestão de Segurança Privada refere-se ao Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Segurança Privada, cujo objetivo principal é formar profissionais qualificados para gerir os serviços de segurança privada. Este curso tem uma duração média de dois anos e pode ser realizado tanto no formato tradicional (presencial) quanto no sistema semipresencial EAD.

Atualmente, várias universidades e faculdades oferecem esse tipo de curso. O Curso Superior em Gestão de Segurança Privada baseia-se em sólidas fundamentações teóricas e científicas, exigidas pela maioria das situações encontradas no mercado de trabalho.

B. Curso de Pós-graduação em Gestão de Segurança Privada

Os Cursos de Pós-graduação em Gestão de Segurança Privada são direcionados para aqueles que já possuem formação superior, seja em segurança ou em outra área do conhecimento, e desejam se especializar na área de segurança privada. A pós-graduação é um modelo de ensino destinado a pessoas que já concluíram a graduação.

O objetivo dos Cursos de Pós-graduação é formar profissionais altamente especializados em áreas específicas da segurança privada. Atualmente, esses cursos de pós-graduação podem ser ministrados tanto no formato presencial quanto por meio do ensino a distância (EaD). Geralmente, possuem uma duração média de um ano.

Onde fazer o curso?

A escolha da instituição para fazer o Curso de Gestão de Segurança Privada depende de vários fatores, incluindo sua localização, orçamento, preferências pessoais e objetivos de carreira. Existem várias universidades e faculdades conhecidas que oferecerem programas de qualidade nessa área.

Escolher uma boa faculdade para fazer o curso é uma decisão importante para o seu futuro educacional e profissional. A seguir algumas dicas e considerações que podem ajudá-lo a fazer uma boa escolha:

  1. Defina seus objetivos de carreira: Antes de escolher uma faculdade, é fundamental entender por que você deseja cursar Gestão de Segurança Privada. Defina seus objetivos profissionais, como o tipo de trabalho que deseja após a formação e se planeje para prosseguir com estudos adicionais.
  2. Pesquise as opções disponíveis: Comece pesquisando faculdades e universidades que oferecem Cursos de Gestão de Segurança Privada. Faça uma lista das instituições que atendem aos seus critérios geográficos, financeiros e acadêmicos.
  3. Avalie a reputação da instituição: Pesquise a reputação acadêmica e a qualidade do programa do Curso de Gestão de Segurança Privada oferecido pela instituição
  4. Verificar se o curso possui autorização adequada fornecida pelo MEC.
  5. Analise a grade curricular: Examine a estrutura do curso e a grade curricular para ter uma ideia clara do que será ensinado ao longo do programa. Certifique-se de que os cursos oferecidos estejam alinhados com seus interesses e objetivos.
  6. Verifique as instalações e recursos: Visite o campus, se possível, ou explore os recursos online da instituição. Veja se a faculdade oferece laboratórios, bibliotecas e tecnologia atualizada que podem apoiar seu aprendizado.

Conclusão:

Este artigo evidencia que a Gestão de Segurança Privada desempenha um papel de extrema importância na proteção de pessoas, áreas, instalações, bens e valores em nosso mundo em constante evolução. Os profissionais dedicados a essa disciplina desempenham um papel vital na manutenção da segurança em uma ampla gama de setores.

Ao longo do artigo, pudemos compreender que a Gestão de Segurança Privada abrange os processos essenciais de planejar, organizar, liderar e controlar as atividades de segurança. Esses processos são cruciais para assegurar o bom funcionamento das operações de segurança e para alcançar resultados eficientes, conforme desejado e necessário.

Para atingir os resultados desejados, o gestor deve possuir as competências gerenciais adequadas. Esses conhecimentos e habilidades podem ser adquiridas por meio de um Bom Curso de Gestão de Segurança Privada, que oferece conhecimentos práticos e teóricos essenciais para o sucesso nesse campo dinâmico.

Para aqueles que desejam aprofundar ainda mais seu entendimento sobre Gestão de Segurança Privada e explorar as oportunidades de carreira que esse setor oferece, convido você a acompanhar nosso próximo artigo: Cursos na Área da Segurança Privada: Saiba quais são, qual escolher e onde fazer. Nele, discutiremos detalhadamente os cursos disponíveis nessa área e como eles podem ser o trampolim para uma carreira de sucesso no campo da segurança privada.

Um forte abraço e votos de sucesso!

José Sergio Marcondes – CES – CPSI – Gestor, Consultor e Diretor do IBRASEP. Profissional com competências sólidas nas áreas de segurança privada e gestão empresarial. Conecte comigo nas redes sociais.

Ajudar a divulgar nosso trabalho é fundamental! Curta e compartilhe nossas publicações com seus amigos nas redes sociais. Essa atitude não apenas incentiva o autor a publicar mais artigos relevantes, mas também possibilita que mais pessoas tenham acesso a esse conteúdo valioso.

Faça parte da nossa comunidade!

Você busca conhecimentos atualizados e oportunidades para aprimorar suas competências nas áreas de segurança privada e gestão empresarial? Não perca a chance de se manter informado e conectado com as últimas tendências e insights do setor!

Junte-se ao nosso Grupo no WhatsApp ou no Grupo do Telegram para receber notificações sobre novos artigos, dicas valiosas e recursos adicionais que impulsionarão sua carreira profissional.

Leia também…

Sugiro a leitura dos artigos a seguir como forma de complementar o aprendizado desse artigo.

Segurança Privada: Descubra o que é, o que faz, como é regulamentada e qual a sua importância

Atividades de Segurança Privada: Conheça quais são e como contribuem para proteção da sociedade

Profissionais de Segurança Privada: Saiba quem são e o seu papel na proteção de pessoas e bens

Sistema de Gestão de Segurança: O que é, Objetivo e Estrutura

Dados para Citação Artigo

MARCONDES, José Sérgio (16 de novembro de 2015). Gestão de Segurança Privada: Saiba o que é. Conceitos e funções. Disponível em Blog Gestão de Segurança Privada: https://gestaodesegurancaprivada.com.br/gestao-de-seguranca-privada-2/ – Acessado em (inserir data do acesso).

"? Fique por Dentro! Junte-se ao Nosso Grupo de WhatsApp!

Quer ser o primeiro a receber todas as atualizações do nosso blog? Então, não perca tempo! Junte-se ao nosso Grupo de WhatsApp agora mesmo e esteja sempre atualizado(a) com as últimas postagens.

Sobre o Autor

José Sergio Marcondes
José Sergio Marcondes

Graduado em Gestão de Segurança Privada, MBA em Gestão Empresarial e Segurança Corporativa. Detentor das Certificações CES (Certificado de Especialista em Segurança Empresarial), CPSI (Certificado Profesional en Seguridad Internacional), CISI (Certificado de Consultor Internacional en Seguridad Integral, Gestión de Riesgos y Prevención de Pérdidas). Mais de 30 anos de experiência na área de segurança privada. Consultor e diretor do IBRASEP, trazendo uma notável expertise em segurança, além de possuir sólidos conhecimentos nas áreas de gestão empresarial.

41 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


  1. Olá JOÃO CARLOS!
    Obrigado pelo seu comentário.
    Fico muito feliz em saber que gostou do blog.
    Posto artigos novos todas as terças e quintas feira.
    Forte abraço e sucesso.

  2. Olá. Seu blog e muito didático, gostei muito de suas orientações. espero que poste mais matérias em breve. sou estudante de GSP e lhe agradeço meu amigo…

  3. Olá Antônio Carlos!
    Para atuar como vigilante você precisa fazer o curso de formação de vigilantes, e para atuar como gestor você precisa terminar a faculdade.
    Forte abraço e sucesso.

  4. Li e gostei imensamente deste conteúdo. Sou Gestor de Segurança do Caminho de Ferro de Benguela em Angola. Gostaria de ter o vosso apoio para melhor gerir a minha área.

  5. Ola tudo bem eu fiz um curso de 3 meses de introdução de gestão de segurança privada com esse diploma que eu tenho eu já posso atuar na área ou tenho que atualizar fazer uma faculdade só porteiro a 16 anos presto serviço pra uma empresa tercerizado

  6. Olá Antonio!
    Fico feliz em saber que gostou do artigo.
    Forte abraço e sucesso.

  7. GOSTEI DO SEU TRABALHO QUE ESTOU ESTUDANDO GSP,MIM AJUDOU.

  8. Olá Naval!
    Um gestor de segurança privada pode ministrar aquelas matérias que tem como comprar conhecimento ou experiencia.
    Forte abraço e sucesso.

  9. Excelente material, parabéns belo trabalho. José Sérgio me tira uma dúvida, Quais matérias um Gestor de Segurança Privada pode ministrar aula em uma escola de formação de vigilantes ?

  10. Olá Marcelo!
    Fico muito feliz em saber que você esta gostando dos artigos.
    Forte abraço e sucesso!

  11. BOA NOITE, ATE AGORA TD SEUS MATERIASIS SÃO MUITO BONS, AGRADEÇO MUITO

  12. E quem como no meu caso está começando agora, quando me formar posso consegui emprego de alguma coisa? Esse curso me faz me tornar o que? Muito obrigado.

  13. Olá Alisson!
    A função de gestor de segurança privada é uma atividade administrativa que legalmente não requer formação ou experiencia como vigilante. Porém, quem tem alguma experiencia como vigilante pode ser beneficiado nas questões operacionais.
    Forte abraço e sucesso.

  14. Acabei de sair do ensino médio, e vou fazer gestão privada, como vou me tornar um gestor? Eu deveria ser vigilante para se dar bem na carreira?!

  15. Olá Sérgio!
    Obrigado pelo seu comentário.
    Forte abraço e sucesso!

  16. Olá muito esclarecedora essa publicação sou funcionário público com atuação na área de segurança e pretendo em breve fazer esse curso superior.
    Artigo publicado muito esclarecedor excelente

  17. Olá Jozeli Bastos!
    Infelizmente mulher tem dificuldade de ocupar cargos de chefia em qualquer área, más se vc se dedicar e mostrar competência tem chance. Já recebi um pedido de indicação de candidato a vaga de chefe de segurança de um banco, e davam preferencia para mulher.
    Forte abraço e sucesso.

  18. Entrei agora na área, sou vigilante feminino, quero fazer a gestão em segurança privada, mas não EAD, pois faz muito tempo que não estudo e penso que presencial seria melhor pra mim, por ser mulher vc acha que terei dificuldades de crescer na área?

  19. Indicação de alguma pós na área com boa qualidade(EAD)?

  20. Olá Edson!
    Fico muito feliz em saber que ps artigos estão sendo úteis e que eles contribuem para o desenvolvimento profissional de muitos colegas.
    Forte abraço e sucesso na sua carreira.

  21. É de muita excelência todas as informações obtidas nesses artigos, contribuem muito para nossa formação profissional na área de segurança privada.
    Muito obrigado por todas informações.

  22. Olá Fabiano!
    Não há normatização legal sobre a plotagem de veículos para segurança ou vigilância patrimonial. Embora seja permitido, não existe regulamentação legal de obrigatoriedade ou padrão a seguir.
    Obrigado pelo seu comentário, forte abraço e sucesso na carreira.

  23. Bom Dia Sr. Marcondes
    estou pesquisando a questão da obrigatoriedade sobre a plotagem de veículos de segurança patrimonial, mas na Portaria 3.233/2012 só achei sobre os veículos de transporte de valores e os de escolta armada. O Sr. poderia me elucidar o assunto?
    Grato Fabiano

  24. Olá Haroldo!
    Obrigado pelo seu comentário.
    Forte abraço e sucesso na sua carreira.

  25. Olá Fabrício !
    Obrigado pelo seu comentário.
    Forte abraço e sucesso na sua carreira!

  26. Olá José Sérgio Marcondes , me chamo Fabrício Oliveira, sou estudante do curso de Gestão de segurança privada, e quero agradecer a vc pelo artigo publicado, concerteza vai ser como um manual para mim, espero que vc continue postando seus conhecimentos na área da na segurança privada, creio que não só à mim, mas estará ajudando a muitos academicos que aqui passaram, grande abraço.

  27. Olá Valdinei Fernades!
    Obrigado pelo seu comentário.
    Forte abraço e sucesso na sua carreira.

  28. Muito bom artigo, com certeza ajudará todos os gestores, abraço

  29. Olá Eberson Silva!
    Obrigado pelos elogio, fico muito contente em saber que o artigo esta sendo útil para seu curso de gestão em segurança privada, esse é meu principal objetivo, contribuir na formação e aperfeiçoamento dos colegas da área de segurança privada.
    Forte abraço e sucesso na carreira!

  30. Excelente artigo. Vai ajudar muito no meu curso de Gestão de Segurança Privada. Grato

  31. Olá Anderson!
    Obrigado e sucesso na sua carreira profissional.
    Forte abraço!

  32. Olá Anderson!
    Obrigado pelo seu reconhecimento!
    Forte abraço e sucesso na carreira!

  33. Olá João Batista!
    Obrigado pelas suas palavras, fico muito contente em estar contribuindo para sua especialização profissional.
    Forte abraço e sucesso na carreira !

  34. João Batista Venézio, aluno do curso de especialização em Segurança Corporativa.
    Olá José Sérgio! Gostei muito do artigo. Será de fundamental importância para a minha formação.

  35. Olá João Carlos! obrigado pela contribuição.
    Forte abraço!

  36. Ótimo, gostei muito é importante a questão geracional com conhecimento técnico.

Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.