- 5790FBE8A27AC0FA6FCB89065534CF70

Escopo do Projeto: O que é, Como Fazer em 6 Passos.

O escopo do projeto descreve o trabalho necessário para entregar um produto, um serviço ou um resultado tangível, é o mapeamento de todo o trabalho que será necessário para a conclusão de um projeto. É parte do planejamento do projeto que envolve determinar e documentar uma lista de objetivos específicos do projeto, entregas, recursos, funções, tarefas, prazos e, finalmente, custos.

A definição do escopo do projeto requer a contribuição das partes interessadas do projeto. Eles trabalham com gerentes de projeto para estabelecer os elementos-chave de orçamento, objetivos, qualidade e cronograma. É importante definir o escopo no início do ciclo de vida de um projeto, pois isso pode afetar muito o cronograma ou o custo (ou ambos) do projeto no futuro.

Escrito por José Sérgio Marcondes
Postado 30/06/2022

Significado de Escopo

De acordo com o dicionário escopo é um substantivo masculino, que pode significar: 1- Ponto que se deseja alcançar; alvo: o escopo da proposta era erradicar a fome. 2- Reunião de tudo que se pode referir a um projeto; descrição detalhada de um projeto, de seus propósitos: 3- Delimitação das atividades: traçou o escopo de sua profissão. 4- Aquilo que se tem por finalidade; propósito.

No gerenciamento de projetos o escopo é um termo usado para descrever os processos e recursos necessários para concluir um projeto, auxilia a identificação reconhecimento das diferentes variáveis ​​que compõem um projeto.

O que é um Projeto?

Projeto é um empreendimento único, no qual recursos humanos, tecnológicos, materiais e financeiros são direcionados para tratar um escopo único de trabalho, com restrições de custo e de tempo, para atingir uma mudança benéfica definida por meios de objetivos.

Os objetivos de um projeto consistem no que se planeja alcançar ao final do projeto. Pode ser definido como um resultado a que o trabalho ou serviço é orientado, uma posição estratégica a ser alcançada ou um propósito a ser atingido, um produto a ser produzido ou um serviço a ser realizado.

Segundo a Metodologia de Gerenciamento de Projetos do SISP – MGP-SISP, “Projeto é um empreendimento planejado, orientado a resultados, possuindo atividades com início e término, para atingir um objetivo claro e definido.

O gerenciamento de projetos se inicia pelo planejamento do escopo do projeto que envolve determinar e documentar uma lista de objetivos específicos do projeto, entregas, recursos, funções, tarefas, prazos e, finalmente, custos.

Quero saber mais sobre Projeto

O que é um Escopo do Projeto?

O escopo do projeto descreve o trabalho necessário para entregar um produto, um serviço ou um resultado tangível, é o mapeamento de todo o trabalho que será necessário para a conclusão do projeto. No escopo, há alguns aspectos que devem estar presentes, como a justificativa do projeto, os objetivos, as restrições, os recursos disponíveis e as partes interessadas (stakeholders).

O escopo de projeto é um esboço de todos os aspectos de um projeto, incluindo todas as atividades relacionadas, recursos, cronogramas e entregas, bem como os limites do projeto. Ele também descreve as principais partes interessadas, processos, suposições, critérios e restrições, bem como sobre o que é o projeto, o que está incluído e o que não está.

O escopo do projeto explica os limites do projeto, estabelece responsabilidades para cada membro da equipe e estabelece procedimentos de como o trabalho concluído será verificado e aprovado. Nele, é descrito o que é preciso para atingir o objetivo final, que pode ser um novo produto, um serviço, um sistema, uma mudança corporativa, entre diversas ocasiões.

Ademais, o escopo do projeto determina os limites do trabalho, possibilitando que os colaboradores que fazem parte da equipe classifiquem com exatidão o que estão fazendo e eliminem tudo aquilo que não deve participar do trabalho necessário.

Conteúdos de um escopo de projeto

Definição do Escopo de Projeto

A definição do escopo do projeto requer a contribuição das partes interessadas do projeto. Eles trabalham com gerentes de projeto para estabelecer os elementos-chave de orçamento, objetivos, qualidade e cronograma.

A definição visa criar um cenário para o desenvolvimento do plano do projeto. Ela define o resultado final (objetivo ou missão) do projeto, um produto ou serviço para seu cliente. O objetivo principal é identificar e definir, o mais claramente possível, as entregas para o usuário final e focar os planejamento do projeto.

O objetivo é reunir e registrar informações precisas e precisas durante esse processo, para que o escopo do projeto reflita todos os requisitos. Isso aumenta as chances de os líderes de projeto entregarem produtos que atendam às expectativas das partes interessadas dentro do prazo e do orçamento.

O escopo do projeto é a parte do planejamento do projeto que envolve determinar e documentar uma lista de objetivos, entregas, tarefas, critérios, custos e prazos específicos do projeto. A documentação desse processo é chamada de declaração de escopo.

O que é Declaração de Escopo do Projeto?

No início da fase de planejamento, é importante definir os limites do escopo, ou seja, o que será incluído ou não no projeto. A Declaração de Escopo do projeto é a primeira tentativa de determinar esses limites do escopo, principalmente o que deve ser feito, em linhas gerais, para alcançar os objetivos do projeto.

Conforme definição do PMBOK, a declaração de escopo do projeto é o documento onde estão descritos em detalhes o escopo do projeto, desde os prazos, custos, atividades e fases do desenvolvimento do projeto.

A Declaração de Escopo é desenvolvida com base em informações fornecidas pelo patrocinador e outras partes interessadas de maior influência no projeto. Sua finalidade é garantir que o gerente do projeto e as partes interessadas tenham um entendimento similar sobre o escopo do projeto, estipulando limites ao escopo do projeto (isto é, estabelecendo o que fará parte do escopo e o que não fará parte do escopo).

Conteúdo da Declaração de Escopo do Projeto

Uma declaração de escopo de projeto básica pode ser composta por:

  1. Descrição do escopo do produto – características do produto, serviço ou resultado descritos no termo de abertura do projeto e na documentação dos requisitos.
  2. Critérios de aceitação do produto – Define o processo e critérios de aceitação de produtos, serviços ou resultados concluídos.
  3. Entregas do projeto – As entregas incluem tanto as saídas que compõem o produto ou serviço do projeto, quanto os resultados auxiliares, tais como relatórios e documentação de gerenciamento do projeto. As entregas podem ser descritas em nível conciso ou em grande detalhe.
  4. Exclusões do projeto – Identifica de modo geral o que é excluído do projeto. Declarar explicitamente o que está fora do escopo do projeto ajuda no gerenciamento das expectativas das partes interessadas.
  5. Restrições do projeto – Lista e descreve as restrições específicas associadas com o escopo que limitam as opções da equipe, por exemplo, um orçamento pré-definido ou quaisquer datas impostas ou marcos do cronograma comunicados pelo cliente ou organização executora. Quando um projeto é feito sob contrato, as cláusulas contratuais geralmente serão restrições. Informações sobre as restrições podem ser listadas na declaração do escopo do projeto ou em um registro separado.
  6. Premissas do projeto – Lista e descreve as premissas específicas do projeto associadas com o escopo e o impacto potencial dessas premissas se forem provadas falsas. As equipes de projetos frequentemente identificam, documentam e validam as premissas como parte do seu processo de planejamento.

A declaração do escopo possibilita o entendimento comum sobre todas as etapas do planejamento do escopo. Ela é a saída do processo de Definição de Escopo e a entrada para a criação da Estrutura Analítica de Projeto (EAP) ou do inglês Work Breakdown Structure (WBS).

Estrutura Analítica de Projeto (EAP)

A Estrutura Analítica do Projeto (EAP) é uma expressão traduzida do inglês Work Breakdown Structure
(WBS), ela organiza e representa graficamente o escopo do projeto de forma visual, hierárquica e em partes menores, a fim de facilitar o gerenciamento das entregas.

A EAP busca identificar elementos terminais (os produtos, serviços e resultados a serem feitos em um projeto). Serve como base para a maior parte do planejamento de projeto. É uma ferramenta que organiza o trabalho que será realizado no projeto, representando graficamente e simplificadamente o entendimento do escopo.

A EAP existe basicamente para:

  1. Organizar e confirmar o escopo total do projeto
  2. Evitar que algum trabalho seja esquecido
  3. Detalhar todo o trabalho definido na Declaração de Escopo

A Estrutura Analítica do Projeto (EAP) permite que o gerente do projeto produza estimativas de custo, prazo e recursos com uma visão total do projeto, e pode ter o formato de uma lista de itens ou de um gráfico similar ao de um organograma.

Em linhas gerais, a EAP decompõe o trabalho em partes menores cuja soma totalizará o todo do projeto. A decomposição se inicia com uma divisão macro dos componentes ou fases ou entregas principais do projeto, que em seguida é dividido em entregas menores e pacotes de trabalho. Pacote de trabalho é o subcomponente que forma uma entrega e é o nível mais baixo na EAP – ou seja, é o último nível que aparece na EAP.

Dicionário da Estrutura Analítica do Projeto (EAP)

O dicionário da EAP é um documento, em geral no formato de tabela, que detalha os pacotes de trabalho da EAP, é uma espécie de glossário que inclui definições de cada pacote de trabalho da EAP. Essa descrição é importante por vários motivos, pois:

  • Esclarece o significado do nome de trabalho e garante um entendimento consistente entre as partes interessadas do projeto.
  • Define o significado de um termo técnico que não seja do conhecimento de todos os participantes do projeto.
  • Descreve o que deve acontecer em cada pacote de trabalho.
  • Serve como base ou orientação para a elaboração das atividades do projeto no cronograma.

Os gerentes de projeto usam uma variedade de ferramentas para planejar e comunicar o escopo de um projeto. Duas ferramentas populares para fazer isso são o gráfico de Gantt e a técnica de revisão de avaliação de programa (PERT).

Qual a diferença entre um Escopo de Projeto e um Escopo do Produto?

A diferença entre escopo do produto ou escopo de projeto está no que cada um identifica. Enquanto o escopo do projeto identifica todo o trabalho que deverá ser feito no projeto, o escopo do produto identifica características, recursos, especificações, funcionalidades e requisitos que deverão estar incorporados no resultado, produto ou serviço que o projeto irá gerar.

Escopo do projeto é o trabalho que precisa ser realizado para entregar um produto, serviço ou resultado com as características e funções especificadas. Em alguns casos esse escopo é derivável de forma clara e inequívoca a partir do escopo do produto. No entanto, em outros casos o escopo do projeto é fruto de acordo ou da experiência dos envolvidos.

O escopo do produto identifica as características e funções de um produto ou serviço. Essas características incluem características físicas, como tamanho e materiais, bem como especificações funcionais. As considerações funcionais incluem o que o produto foi projetado para fazer e sua finalidade ou uso final.

Composição Básica de um Escopo de Projeto

  1. Objetivo do projeto – A primeira etapa da definição do escopo do projeto é definir o objetivo do projeto. Ele deve esclarecer o que, quando e quanto. Por exemplo: Desenvolver um software de pesquisa de satisfação do cliente. O projeto deve ser concluído dentro de 1 ano, a um custo não superior a 2 milhões de reais.
  2. Entregas – A próxima etapa é definir as principais entregas do projeto ao longo do seu ciclo de vida, elas devem ser mensuráveis. Por exemplo, a entrega da primeira fase de desenho de um projeto poderia ser uma lista de especificações. Na segunda, as entregas poderiam ser a codificação do software e o manual técnico. A fase seguinte poderia ser o protótipo. Na fase final, poderiam ser os últimos testes e o software aprovado.
  3. Marcos -Um marco é um ponto ou evento significativo em um projeto. São momentos importantes para o projeto e costumam estar associados à conclusão de fases ou a entregas. O cronograma de marcos exibe apenas grandes segmentos de trabalho: ele representa as primeiras estimativas aproximadas de tempo, custo e recursos do projeto. Os marcos devem ser pontos de controle naturais e importantes do projeto, além de passíveis de fácil reconhecimento por parte de todos os envolvidos do projeto.
  4. Requisitos Técnicos – Na maior parte das vezes, um produto ou serviço terá requisitos técnicos para garantir o desempenho correto que, em geral, esclarecem as entregas ou definem as especificações de desempenho.
  5. Limites e Exclusões – Devem-se definir os limites do escopo. Não fazê-lo pode levar a falsas expectativas e ao gasto de recursos e tempo no problema errado. As exclusões definem melhor o limite do projeto ao dizer o que não está incluído.
  6. Revisões com o Cliente– A lista de verificação do escopo termina com uma revisão com o cliente, interno ou externo. O principal aqui são a compreensão e o acordo quanto às expectativas. O cliente está obtendo o que deseja com as entregas? A definição do projeto identifica as principais realizações, orçamentos, agenda e requisitos de desempenho? As questões de limites e exclusões foram cobertas?

Desenvolvimento do Escopo de Projeto

O escopo do projeto deve ser desenvolvido sob a coordenação do gerente do projeto, do cliente e de outras partes interessadas. O gerente do projeto é responsável por garantir que haja um acordo com o patrocinador do projeto sobre os objetivos do projeto, entregas em cada estágio, requisitos técnicos e assim por diante.

O escopo é o documento que será utilizado pelo gerente, patrocinador e pelos participantes do projeto para planejar e medir o sucesso dele. Ele descreve o que se espera entregar ao cliente quando o projeto for concluído e define os resultados a serem atingidos em termos específicos, tangíveis e mensuráveis.

Plano de Gerenciamento do Escopo

O plano de gerenciamento do escopo deve incluir o planejamento das estratégias para gerenciar o escopo do projeto com informações sobre formulários específicos que serão utilizados para registrar as informações sobre o escopo, processos e procedimentos para coletar, documentar e rastrear os requisitos do projeto, bem como os processos e procedimentos para construir a EAP do projeto e seu respectivo dicionário.

Como Fazer o escopo do projeto em 6 passos

  1. Planeje o gerenciamento do escopo – consiste em planejar e documentar a forma como os escopos do projeto e o do produto serão definidos, controlados e validados.
  2. Colete os requisitos do projeto – consiste na documentação e gerenciamento das necessidades e requisitos das partes interessadas para cumprir os objetivos do projeto. Os requisitos devem ser documentados com detalhes suficientes para que possam ser mensuráveis. Sugiro o uso de uma Matriz de Rastreabilidade de Requisitos.
  3. Definição do escopo do projeto – consiste na efetiva elaboração de um escopo, ou seja, do detalhamento de todo o trabalho e fatores necessário para a realização do projeto. Sugiro o uso da ferramenta Análise de Produto. A análise de produto consiste na obtenção de respostas sobre todas as características do produto.
  4. Criação da EAP – organiza de forma visual todo o trabalho que tem que ser feito no projeto.
  5. Validação do escopo do projeto – consiste em formalizar a aceitação das entregas do projeto. Isso ocorre sempre que uma entrega é concluída e, caso alguma delas não for aceita, é realizada uma solicitação de mudança para que sejam feitos os devidos reparos.
  6. Controle do Escopo – consiste em monitorar o status do escopo e gerenciar alterações na linha de base do mesmo. Isso ajuda a controlar o desempenho do trabalho, as solicitações de alteração no projeto e permite que a linha de base do escopo seja mantida ao longo de todo o projeto.

Qual a importância de definir o escopo de um projeto?

Definir adequadamente o escopo de um projeto permite que os gerentes estimem os custos e o tempo necessário para concluir o projeto. É isso que torna o gerenciamento de escopo uma parte tão importante de um negócio – economiza processo, tempo, recurso e dinheiro. Ele é crítico porque com a falta dele, o gerente de projeto seria incapaz de entender o tempo, custo ou trabalho envolvido no projeto.

Benefícios de fazer um Escopo do Projeto

Os benefícios que uma declaração de escopo do projeto oferece a qualquer organização que esteja realizando uma nova iniciativa incluem o seguinte:

  • Envolve todas as partes interessadas com o objetivos e demais fatores envolvidos no projeto.
  • Ajuda a focar os membros da equipe em objetivos comuns.
  • Impede que projetos, particularmente complexos, se expandam além da visão estabelecida.
  • Garante que os projetos sejam focados e executados de acordo com as expectativas planejadas e acordadas.
  • Evita que erros sejam cometidos.
  • Orienta o rumo das atividades.
  • Fornece um roteiro que os gerentes podem usar para atribuir tarefas, agendar trabalho e orçamento de forma adequada.

Você Gostou do Artigo? Sem sim, colabore com o crescimento e divulgação do Blog

Aqui no Blog publico frequentemente artigos relacionados a segurança privada e gestão organizacional, visando sempre agregar conhecimento para os leitores, visando seu desenvolvimento profissional e pessoal.

Para continuar publicando e disponibilizando os artigos de forma gratuita a todos, solicito a você leitor ou leitora, que ajude na divulgação e crescimento do blog, fazendo pelo menos uma das práticas a seguir:

  • Deixe seu comentário no final do artigo, ele é muito importante para mim;
  • Divulgue, curta e compartilhe as publicações com seus amigos pelas redes sociais;
  • Inscreve-se na nossa Newsletter. Cadastre seu e-mail logo abaixo e receba avisos sobre novas publicações.
[jetpack_subscription_form show_subscribers_total=”false” button_on_newline=”true” custom_font_size=”16px” custom_border_radius=”0″ custom_border_weight=”1″ custom_padding=”15″ custom_spacing=”10″ submit_button_classes=”” email_field_classes=”” show_only_email_and_button=”true”]

Forte abraço e sucesso!
José Sérgio Marcondes – CES
Especialista em Segurança Empresarial
Consultor em Segurança Privada
Diretor do IBRASEP

Leia também…

Sugiro a leitura dos artigos a seguir como forma de complementar o aprendizado desse artigo.

Projeto: O que é, Definições, Objetivos, Características e Exemplos

Gerenciamento de Projetos: O que é, Objetivos e Áreas de Conhecimento

Dados para Citação Artigo

MARCONDES, José Sérgio (21 de maio de 2022). Escopo de Projeto: O que é, Como Fazer em 6 Passos.. Disponível em Blog Gestão de Segurança Privada: – Acessado em (inserir data do acesso).

"? Fique por Dentro! Junte-se ao Nosso Grupo de WhatsApp!

Quer ser o primeiro a receber todas as atualizações do nosso blog? Então, não perca tempo! Junte-se ao nosso Grupo de WhatsApp agora mesmo e esteja sempre atualizado(a) com as últimas postagens.

Sobre o Autor

José Sergio Marcondes
José Sergio Marcondes

Graduado em Gestão de Segurança Privada, MBA em Gestão Empresarial e Segurança Corporativa. Detentor das Certificações CES (Certificado de Especialista em Segurança Empresarial), CPSI (Certificado Profesional en Seguridad Internacional), CISI (Certificado de Consultor Internacional en Seguridad Integral, Gestión de Riesgos y Prevención de Pérdidas). Mais de 30 anos de experiência na área de segurança privada. Consultor e diretor do IBRASEP, trazendo uma notável expertise em segurança, além de possuir sólidos conhecimentos nas áreas de gestão empresarial.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.