- 5790FBE8A27AC0FA6FCB89065534CF70

Postura do vigilante: Quais devem ser as atitudes e aparência do vigilante, e como melhorar.

Descubra como a postura profissional do vigilante influencia a sua imagem e seu desempenho profissional. E como o vigilante deve agir para melhorar sua postura

A postura do vigilante pode ser definida como um conjunto de comportamentos, atitudes e condutas que são esperados do vigilante no desempenho de suas funções de segurança. Essa postura envolve aspectos como ética, responsabilidade, competência, comunicação eficaz, integridade, profissionalismo e atenção aos detalhes.

Os vigilantes desempenham um papel crucial em nossa sociedade na proteção de pessoas, áreas, propriedades, bens e valores. No entanto, além de sua habilidade técnica e conhecimento especializado, há um aspecto igualmente importante que define a eficácia e a credibilidade de um vigilante: sua postura profissional.

A postura profissional é de vital importância para os vigilantes, pois contribui para a efetividade da segurança, a construção de uma imagem sólida, a representação da empresa e o crescimento na carreira profissional. Ela molda o cenário de atuação da segurança privada.

Neste artigo, abordaremos a postura correta do vigilante, explorando seu significado, elementos e o impacto que essa postura tem na efetividade de sua missão. Indicaremos a postura correta para você se tornar um vigilante exemplar, capaz de transmitir confiança e se destacar no exigente setor da segurança privada.

Por José Sergio Marcondes – Postado 12/07/2023

O que se entende por postura profissional?

A postura profissional refere-se ao conjunto de comportamentos, atitudes e aparência que um indivíduo demonstra no ambiente de trabalho. É a maneira como alguém se apresenta e se relaciona com os colegas, superiores, clientes e demais partes interessadas no contexto profissional.

Uma postura profissional adequada é essencial para construir uma imagem positiva e para o desenvolvimento de uma carreira sólida. Envolve elementos como ética, respeito, responsabilidade, comprometimento, pontualidade, cordialidade, confidencialidade e proatividade.

Ter uma postura profissional significa agir de acordo com as normas e valores da organização, seguir padrões de conduta estabelecidos, cumprir com suas obrigações e responsabilidades, comunicar-se de forma clara e respeitosa, ser confiável e demonstrar interesse e dedicação no trabalho.

Além disso, a postura profissional também abrange a forma como se apresenta fisicamente, incluindo vestimenta adequada, higiene pessoal e aparência geral. É importante manter uma imagem profissional coerente com a cultura e os padrões da empresa em que se está inserido.

Definição de postura do vigilante?

A postura do vigilante pode ser definida como um conjunto de comportamentos, atitudes e condutas que são esperados de um vigilante no desempenho de suas funções de segurança. Essa postura envolve aspectos como ética, responsabilidade, competência, comunicação eficaz, integridade, profissionalismo e atenção aos detalhes.

A postura profissional do vigilante é a base para o desempenho eficiente das responsabilidades de segurança e para a construção de uma imagem confiável e respeitada na atividade de segurança em que atua. Ter uma postura profissional sólida contribui para estabelecer relações de confiança, alcançar objetivos, além de abrir portas para oportunidades de crescimento e avanço na carreira.

Qual a importância da postura do vigilante!

A postura profissional é de extrema importância para os vigilantes, conforme demonstram as razões a seguir:

  1. Segurança e proteção efetivas: Vigilantes que demonstram uma postura profissional transmitem confiança, autoridade e credibilidade, o que pode dissuadir comportamentos inadequados e potenciais ameaças.
  2. Imagem profissional: Vigilantes que se apresentam de maneira adequada, com uniforme limpo e bem cuidado, demonstram comprometimento com o trabalho e inspiram confiança tanto para os clientes quanto para o público em geral.
  3. Gerenciamento de conflitos: Ao lidar com situações desafiadoras, a postura profissional permite que os vigilantes ajam de forma calma, controlada e respeitosa, buscando soluções pacíficas e evitando escaladas desnecessárias.
  4. Representação da empresa: Vigilantes são representantes das empresas de segurança para as quais trabalham. Uma postura profissional adequada reflete diretamente na imagem da empresa, podendo influenciar na satisfação do cliente e na fidelidade dos mesmos.
  5. Desenvolvimento da carreira: A postura profissional é um elemento chave para o desenvolvimento da carreira de um vigilante. Aqueles que demonstram uma postura exemplar têm mais chances de serem reconhecidos, promovidos e de obterem novas oportunidades de trabalho.

Em resumo, a postura profissional é de vital importância para os vigilantes, pois contribui para a efetividade da segurança, a construção de uma imagem sólida, a representação da empresa e o crescimento na carreira profissional.

Postura do vigilante

Qual deve ser a postura do vigilante?

A postura correta de um vigilante engloba uma série de comportamentos e atitudes que são esperados e valorizados na profissão, que incluem:

  1. Profissionalismo: O vigilante deve agir de forma profissional em todos os momentos. Isso inclui seguir as políticas e procedimentos da empresa de segurança, cumprir com responsabilidade as tarefas atribuídas, manter a discrição e tratar todas as pessoas com respeito.
  2. Ética e integridade: A integridade é um aspecto fundamental para um vigilante. É essencial agir com honestidade, ética e transparência em todas as situações. Isso inclui evitar qualquer forma de corrupção, desvio de conduta ou comportamentos antiéticos.
  3. Vestimenta e aparência: A forma como o vigilante se veste e cuida de sua aparência pessoal é outro fator importante. Uniforme adequado, limpeza, cuidado com a higiene pessoal e uma aparência geral bem-cuidada podem influenciar a percepção da postura profissional do vigilante.
  4. Etiqueta profissional: Seguir as normas de etiqueta profissional, como ser pontual para compromissos, tratar as pessoas com respeito, ser cortês e atencioso, demonstrar boas maneiras à mesa, entre outros, contribui para a percepção de uma postura profissional adequada.
  5. Comunicação verbal: A habilidade de se comunicar de forma clara, concisa e assertiva é essencial para um vigilante.
  6. Comunicação não verbal: Gestos, expressões faciais, contato visual, postura corporal e linguagem corporal em geral são elementos que contribuem para a percepção da postura profissional. Uma postura ereta, um aperto de mão firme e uma expressão facial confiante podem transmitir uma imagem mais profissional.
  7. Alerta e atenção: O vigilante deve estar sempre alerta e atento ao ambiente ao seu redor. Isso implica em monitorar constantemente as áreas sob sua responsabilidade, identificar potenciais riscos e agir de forma preventiva para evitar incidentes de segurança.
  8. Responsabilidade: O vigilante deve assumir a responsabilidade pelas suas ações e pela segurança das pessoas e propriedades sob sua vigilância.
  9. Calma e controle emocional: Em situações de emergência ou conflito, um vigilante deve ser capaz de manter a calma e agir com controle emocional. Isso contribui para tomar decisões racionais, lidar com situações de forma segura e transmitir segurança para as pessoas envolvidas.
  10. Atualização e aprimoramento: O vigilante deve estar disposto a buscar constantemente o aprimoramento de suas habilidades e conhecimentos. Isso inclui participar de treinamentos, cursos e se manter atualizado sobre as melhores práticas de segurança e novas tecnologias relacionadas à área.

Esses são apenas alguns exemplos de como um vigilante deve manter uma postura correta. É importante lembrar que a postura correta pode variar dependendo das políticas e requisitos específicos da empresa de segurança para a qual o vigilante trabalha.

O que o vigilante pode fazer para melhorar a sua postura?

Para melhorar sua postura o vigilante pode adotar várias medidas, dentre elas:

  1. Buscar capacitação e educação continuada: Participar de treinamentos, cursos e programas de capacitação relacionados à segurança pode aprimorar as habilidades e conhecimentos de um vigilante. A educação contínua ajudará a manter-se atualizado com as melhores práticas da área.
  2. Desenvolver habilidades de comunicação: Investir no desenvolvimento de habilidades de comunicação, incluindo expressão verbal e não verbal, escuta ativa e empatia, pode ajudar a melhorar a interação com colegas de trabalho, clientes e o público em geral.
  3. Cultivar uma postura profissional ética: Isso inclui demonstrar pontualidade, responsabilidade, integridade e respeito no desempenho de suas funções e agir de acordo com os padrões éticos da profissão é fundamental.
  4. Aperfeiçoar habilidades técnicas: o vigilante pode buscar aprimorar suas habilidades técnicas relacionadas ao trabalho, isso ajudará a aumentar sua eficiência no desempenho das tarefas diárias.
  5. Buscar feedback e autorreflexão: Solicitar feedback de colegas de trabalho, superiores e clientes pode proporcionar uma perspectiva externa sobre a postura profissional do vigilante. Além disso, dedicar um tempo para realizar autorreflexão, avaliar o próprio desempenho e identificar áreas de melhoria é uma prática valiosa para o crescimento profissional.
  6. Manter uma aparência profissional: Aparência e apresentação pessoal são elementos importantes da postura profissional. O vigilante deve cuidar da higiene pessoal, vestir-se adequadamente com o uniforme fornecido e manter uma aparência geral limpa e arrumada. Isso contribui para transmitir uma imagem profissional aos outros.
  7. Demonstrar proatividade: Ser proativo no trabalho é valorizado em qualquer área profissional, inclusive na segurança. O vigilante pode buscar oportunidades de assumir responsabilidades adicionais, propor melhorias nos procedimentos de segurança, estar atento a possíveis riscos e agir de forma preventiva. Isso demonstra iniciativa e comprometimento com a segurança.

Você está em busca de conhecimentos atualizados e oportunidades para aprimorar sua especialização na área de segurança privada? Não perca a chance de se manter informado e conectado com as últimas tendências e insights do setor!

Inscreva-se, em nossa Newsletter e junte-se ao nosso Grupo no WhatsApp para receber notificações sobre novos artigos, dicas valiosas e recursos adicionais que irão impulsionar sua carreira como especialista em segurança privada.

Não deixe que a oportunidade de se manter à frente das mudanças no campo da segurança privada passe despercebida. Nossos e-mails sobre publicações e Grupo do WhatsApp são fontes essenciais de informações atualizadas e valiosas, projetadas especialmente para profissionais ambiciosos como você.

Forte abraço e sucesso!

José Sérgio Marcondes – CES – CPSI

Especialista em Segurança Empresarial

Consultor em Segurança Privada

Diretor do IBRASEP

Siga-me nas minhas redes sociais!

Leia também…

Sugiro a leitura dos artigos a seguir como forma de complementar o aprendizado desse artigo.

Vigilante: Saiba tudo o que precisa saber sobre a profissão e sua importância para sociedade

Funções, responsabilidades do vigilante de acordo com a legislação atual

Perfil Profissional do Vigilante: O que é? Quais São? Perfil Ideal Vigilante

Dados para Citação Artigo

MARCONDES, José Sérgio (11 de julho de 2023). Postura do vigilante: Atitudes, comportamentos e aparência. Disponível em Blog Gestão de Segurança Privada: https://gestaodesegurancaprivada.com.br/postura-do-vigilante-atitudes-aparencia-vigilante/– Acessado em (inserir data do acesso).

"? Fique por Dentro! Junte-se ao Nosso Grupo de WhatsApp!

Quer ser o primeiro a receber todas as atualizações do nosso blog? Então, não perca tempo! Junte-se ao nosso Grupo de WhatsApp agora mesmo e esteja sempre atualizado(a) com as últimas postagens.

Sobre o Autor

José Sergio Marcondes
José Sergio Marcondes

José Sergio Marcondes é formado em Gestão de Segurança Privada e possui MBA em Gestão Empresarial e Segurança Corporativa. É especialista em Segurança Privada, certificado com CES (Especialista em Segurança Empresarial) e CPSI (Certificado Profissional em Segurança Internacional). Atualmente, atua como consultor e diretor do IBRASEP, trazendo uma notável expertise em segurança, além de possuir sólidos conhecimentos nas áreas de gestão empresarial Com mais de 30 anos de experiência na área de segurança privada, acumulando resultados relevantes nas áreas operacionais, administrativas e comerciais.

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


  1. Olá Marideise Thiago!
    Obrigado pelo seu comentário!
    Fico muito feliz em saber que os artigos que publico tenham lhe agradado e sidos úteis.
    Forte abraço e sucesso!

  2. Sensacionais as matérias que vc pública.
    Obrigada!

Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.