- 5790FBE8A27AC0FA6FCB89065534CF70

Perfil do Vigilante: Descubra qual é? E como contribui para o desempenho do profissional

Descubra qual é o Perfil do Vigilante, quais são os conhecimentos, habilidades e características comportamentais que fazem do vigilante o guardião da segurança

O Perfil do Vigilante é a descrição resumida do conjunto de características, conhecimentos e habilidades pessoais necessárias para desempenhar a profissão de vigilante nas atividades da segurança privada de forma eficiente e responsável.

Seja em edifícios, empresas, instituições financeiras ou eventos, os vigilantes desempenham um papel fundamental na proteção e segurança da sociedade. São os olhos atentos e as mãos firmes que garantem a tranquilidade e a integridade do patrimônio e das pessoas sob sua responsabilidade.

Mas afinal, qual é o perfil do vigilante? Quais são as características e competências (conhecimentos e habilidades) necessárias para ser um vigilante e tornar se um profissional eficiente e confiável nessa área tão importante?

Neste artigo, abordaremos em detalhes o Perfil do Vigilante, desde as qualidades essenciais até as habilidades técnicas exigidas. Vamos ver que além do uniforme e da aparência imponente, existem outras características comportamentais que fazem desse profissional um guardião da segurança privada.

Por José Sergio Marcondes – Postado 08/06/2021 atualizado 14/07/2023

Qual a definição de perfil profissional?

O perfil profissional pode ser definido como uma descrição resumida das competências (conhecimentos e habilidades) e características pessoais de um indivíduo relacionadas a uma determinada posição de trabalho. É uma representação concisa do conjunto de qualificações e atributos que um profissional possui e que são relevantes para o cargo almejado.

Para que serve o perfil profissional?

O estabelecimento de um perfil profissional serve como um guia para orientar o processo de gestão de pessoas (recrutamento, seleção, contratação e manejo) na empresa. Ele desempenha um papel fundamental na busca por candidatos qualificados e na identificação daqueles que melhor se encaixam nas necessidades da empresa e na vaga em questão.

A principal função do estabelecimento do perfil profissional é proporcionar clareza e direcionamento aos recrutadores e gestores de RH. Ele define os requisitos essenciais para a posição, tanto em termos de habilidades técnicas quanto de competências comportamentais. Isso ajuda a delinear o tipo de candidato desejado, permitindo uma seleção mais precisa e eficiente.

Definição do Perfil do vigilante

O Perfil do Vigilante é a descrição resumida do conjunto de características, conhecimentos e habilidades pessoais necessárias para desempenhar a profissão de vigilante nas atividades da segurança privada de forma eficiente e responsável. Que pode ser classificado em perfil geral e perfil específico.

O Perfil Geral do Vigilante refere-se as características básicas necessárias para ingresso na profissão de vigilante e para a execução das atividades básicas da segurança privada. Por outro lado, o Perfil Específico do Vigilante refere-se as características especificas necessárias para executar as atividades especializadas de segurança pessoal, transporte de valores e escolta armada.

Essas atividades requerem competências adicionais ao vigilante. Por exemplo, um vigilante que atua na vigilância patrimonial pode não possuir as características pessoais e competências necessárias para desempenhar efetivamente a atividade de segurança pessoal, que exige certas características particulares.

Dessa forma, o recrutamento, seleção e manejo desses profissionais devem levar em consideração tanto o perfil geral como o perfil específico, na hora de contratar ou remanejar o vigilante, garantindo que os candidatos tenham as competências adequadas para cada tipo de atividade.

Qual é o Perfil do Vigilante?

Embora possa haver variações dependendo da empresa e das exigências específicas da vaga, a seguir alguns aspectos comuns que compõem o perfil geral do vigilante:

  1. Perfil psicológico: É importante que o vigilante possua um perfil psicológico adequado para o desempenho da função. Isso envolve características como equilíbrio emocional, capacidade de tomar decisões rápidas e assertivas, além de resiliência diante de situações desafiadoras.
  2. Controle Emocional: Um vigilante deve ser capaz de manter o controle emocional mesmo em situações tensas. O gerenciamento de emoções é importante para agir de forma adequada, tomar decisões racionais e transmitir segurança e tranquilidade aos envolvidos.
  3. Domínio Técnico: O vigilante deve ser capacitado para empregar todas as técnicas, doutrinas e ensinamentos adequados à realização de sua missão. Isso inclui conhecimento de procedimentos de segurança, modus operandi normas e regulamentos aplicáveis à sua atuação.
  4. Adaptabilidade: Ser capaz de lidar com situações imprevistas e se adaptar a mudanças nas demandas do trabalho. Ter flexibilidade de horários e disponibilidade para trabalhar em diferentes turnos, incluindo noturno e fins de semana.
  5. Responsabilidade: O vigilante deve ter um senso de responsabilidade aguçado, tanto em relação à proteção do patrimônio como à segurança das pessoas. Ele deve entender a importância de seguir as normas e procedimentos estabelecidos, garantindo um ambiente seguro.
  6. Disciplina: A disciplina é essencial para um vigilante, pois envolve cumprir horários, seguir regras de conduta e manter a postura profissional. É necessário ter um comportamento exemplar e respeitar as normas estabelecidas pela empresa e pela legislação vigente.
  7. Ética e Integridade: O vigilante deve agir com ética e integridade em todas as situações, mantendo a confidencialidade das informações e respeitando os direitos das pessoas. Ele deve ser confiável e pautar suas ações pelos princípios éticos.
  8. Habilidades de Observação: Um vigilante precisa ser atento e possuir habilidades aguçadas de observação. A capacidade de identificar comportamentos suspeitos, detalhes relevantes e situações de risco é essencial para prevenir incidentes e agir prontamente, quando necessário.
  9. Comunicação Efetiva: O vigilante deve possuir habilidades de comunicação verbal e escrita, sendo capaz de relatar incidentes de forma clara e concisa. Além disso, ele deve ter capacidade de se comunicar de maneira adequada com o público, colegas de trabalho, superiores e autoridades competentes.
  10. Disposição Física e Mental: A segurança privada pode exigir longas jornadas de trabalho, atividades físicas intensas e lidar com situações estressantes. Portanto, o vigilante precisa ter disposição física e mental para enfrentar esses desafios, mantendo-se alerta e capaz de tomar decisões adequadas em diferentes circunstâncias.
  11. Trabalho em equipe: Capacidade de trabalhar em equipe, colaborando com colegas de trabalho, supervisores e outros profissionais de segurança para garantir um ambiente seguro.
  12. Proatividade: É importante que o vigilante seja capaz de antecipar-se aos eventos danosos, buscando evitar ou minimizar seus efeitos.

Esses são alguns aspectos do perfil profissional do vigilante. No entanto, é importante ressaltar que o perfil pode variar de acordo com as especificidades da vaga e da empresa, incluindo requisitos adicionais, como conhecimentos específicos de determinados setores ou atividades especializadas da segurança privada.

Perfil do Vigilante

Por que é importante estabelecer um perfil do vigilante?

A importância do perfil do vigilante é indiscutível quando se trata da segurança privada. O perfil adequado é fundamental para garantir a eficiência e a eficácia das operações de segurança. A seguir algumas das razões pelas quais o perfil do vigilante é crucial:

  1. O perfil do vigilante é diretamente responsável por garantir a segurança de pessoas e patrimônios. Ao possuir as características e competências adequadas, o vigilante é capaz de prevenir incidentes, antecipar riscos e agir rapidamente em situações de emergência, garantindo a integridade física e a tranquilidade dos envolvidos.
  2. Um vigilante com o perfil adequado tem a capacidade de dissuadir potenciais infratores e prevenir a ocorrência de crimes e atos ilícitos. Sua presença ostensiva, combinada com habilidades de observação, comunicação e técnicas de segurança, cria um ambiente de desencorajamento para indivíduos mal-intencionados, aumentando a segurança de um local.
  3. Um vigilante com um bom perfil é capaz de identificar riscos e vulnerabilidades em um ambiente, seja através de suas habilidades de observação, análise de situações ou conhecimento técnico. Isso permite a implementação de medidas preventivas adequadas, minimizando possíveis ameaças e garantindo a segurança efetiva.
  4. O perfil do vigilante influencia suas habilidades de comunicação e relacionamento interpessoal que facilitam a colaboração com autoridades policiais, equipes de segurança interna e outros profissionais envolvidos na área. Essa cooperação é crucial para uma resposta coordenada e eficiente a situações de emergência, garantindo a proteção efetiva dos indivíduos e do patrimônio.
  5. O perfil do vigilante contribui diretamente para a construção de uma imagem profissional sólida e uma boa reputação para o setor de segurança privada. Vigilantes com perfil exemplar demonstram profissionalismo, ética, responsabilidade e integridade, promovendo a confiança tanto dos clientes quanto da sociedade em geral.

Como melhorar o Perfil do Vigilante?

Existem diversas maneiras pelas quais um vigilante pode melhorar seu perfil profissional e aprimorar seus conhecimentos e habilidades. A seguir algumas sugestões:

  1. Educação Continuada: Envolve a participação em cursos, treinamentos e workshops relacionados à segurança privada, e manter-se atualizado com as últimas práticas e regulamentações do setor.
  2. Desenvolvimento de Habilidades Sociais: Envolve aprimorar suas habilidades de comunicação, relacionamento interpessoal e gerenciamento de conflitos. Isso inclui aprender a se expressar de forma clara e concisa, ouvir ativamente, adaptar sua comunicação de acordo com o interlocutor e resolver problemas de forma eficaz.
  3. Desenvolvimento Físico e Mental: Pode incluir exercícios regulares, treinamento de resistência e condicionamento físico geral. Além disso, cuide de sua saúde mental, buscando equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, praticando técnicas de gerenciamento de estresse e procurando apoio quando necessário.
  4. Desenvolvimento de Competências Comportamentais: Além das habilidades técnicas, desenvolva competências comportamentais essenciais para a função, como liderança, resiliência, tomada de decisão, resolução de problemas e ética profissional.
  5. Networking Profissional: Construa uma rede de contatos profissionais. Participe de eventos, associações, grupos online e encontros relevantes para ampliar seu círculo de relacionamentos. O networking pode fornecer insights, oportunidades de emprego e colaborações profissionais valiosas.
  6. Autoavaliação e Feedback: Faça uma autoavaliação regular de suas habilidades e desempenho. Identifique áreas que precisam de melhoria e busque feedback de colegas, supervisores e clientes para obter uma visão externa. Esteja aberto a críticas construtivas e utilize-as para aprimorar seu perfil profissional.

Lembre-se de que a melhoria contínua é um processo constante. Esteja disposto a aprender, adaptar-se e crescer como profissional. Ao buscar constantemente aprimorar seu perfil, você estará investindo em sua carreira e se destacando como um vigilante mais competente e valorizado.

Conclusão:

Ao longo deste artigo, abordamos minuciosamente o perfil do vigilante e as características que compõem esse profissional tão essencial na segurança privada. Desde a responsabilidade e disciplina até as habilidades técnicas e comportamentais, desvendamos os atributos que fazem dos vigilantes os guardiões da proteção.

Considerando as diversas especializações na segurança privada, compreendemos que cada perfil de vigilante possui particularidades e exigências específicas. Seja na vigilância patrimonial, segurança pessoal, transporte de valores ou escolta armada, é essencial que os vigilantes possuam as habilidades e conhecimentos adequados para cada função.

No entanto, aprimorar o perfil profissional do vigilante é um processo contínuo. Educação continuada, desenvolvimento de habilidades sociais, atualização tecnológica e cuidado com a saúde física e mental são aspectos fundamentais para garantir a excelência na profissão. O networking profissional e a busca por feedback também são importantes para o crescimento e a evolução como vigilante.

Como próximo passo, convido você a ler nosso próximo artigo sobre as “Funções do Vigilante”, onde exploraremos em detalhes as diferentes atribuições e responsabilidades que fazem parte do dia a dia desses profissionais.

Você Gostou do Artigo?

Aqui no Blog escrevo frequentemente artigos relacionados à Segurança privada e Gestão organizacional, visando sempre agregar conhecimento para os leitores, buscando o desenvolvimento profissional de forma que possam obter sucesso nas suas carreiras. Não perca nenhuma atualização importante! Inscreva-se na nossa newsletter e grupo de WhatsApp e seja um dos primeiros a saber das novidades.

Contribua para enriquecer o conteúdo do artigo deixando seu comentário abaixo e compartilhando suas opiniões conosco. Sua opinião é muito valiosa! Junte-se a nós e faça parte da nossa comunidade dedicada ao conhecimento sobre Segurança Privada e Gestão Organizacional. Inscreva-se agora! “

Forte abraço e sucesso!

José Sérgio Marcondes – CES
Especialista em Segurança Empresarial
Consultor em Segurança Privada
Diretor do IBRASEP

Leia também…

Sugiro a leitura dos artigos a seguir como forma de complementar o aprendizado desse artigo.

Postura do vigilante: Quais devem ser as atitudes e aparência do vigilante, e como melhorar.

Funções, responsabilidades do vigilante de acordo com a legislação atual

Dados para Citação Artigo

MARCONDES, José Sérgio (08 de junho de 2021). Perfil do Vigilante: Qual é? Importância, como melhorar? Disponível em Blog Gestão de Segurança Privada: https://gestaodesegurancaprivada.com.br/perfil-profissional-do-vigilante-o-que-e-quais-sao-perfil-ideal-vigilante/– Acessado em (inserir data do acesso).

"? Fique por Dentro! Junte-se ao Nosso Grupo de WhatsApp!

Quer ser o primeiro a receber todas as atualizações do nosso blog? Então, não perca tempo! Junte-se ao nosso Grupo de WhatsApp agora mesmo e esteja sempre atualizado(a) com as últimas postagens.

Sobre o Autor

José Sergio Marcondes
José Sergio Marcondes

José Sergio Marcondes é formado em Gestão de Segurança Privada e possui MBA em Gestão Empresarial e Segurança Corporativa. É especialista em Segurança Privada, certificado com CES (Especialista em Segurança Empresarial) e CPSI (Certificado Profissional em Segurança Internacional). Atualmente, atua como consultor e diretor do IBRASEP, trazendo uma notável expertise em segurança, além de possuir sólidos conhecimentos nas áreas de gestão empresarial Com mais de 30 anos de experiência na área de segurança privada, acumulando resultados relevantes nas áreas operacionais, administrativas e comerciais.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.