- 5790FBE8A27AC0FA6FCB89065534CF70

Saiba quais são os Principais Riscos de Segurança Empresarial

A segurança empresarial é um tema que deve estar sempre em pauta nas empresas. Alguns dos Principais Riscos de Segurança Empresarial podem gerar consequências devastadoras para essas empresas. As ameaças podem estar presentes tanto dentro quanto fora das empresas, e os riscos podem prejudicar a continuidade dos negócios.

Neste artigo, vou abordar os Principais Riscos de Segurança Empresarial e suas consequências, desde riscos internos, externos até tecnológicos e de imagem. Compreender esses riscos é crucial para que as empresas possam se proteger adequadamente e garantir sua sustentabilidade em longo prazo. Então, se você deseja proteger seu negócio de ameaças potenciais, continue lendo para descobrir quais são esses riscos.

Por José Sergio Marcondes – Postado 25/04/2023

O que são Riscos de segurança empresarial?

Os Riscos de segurança empresarial são condições ou circunstâncias onde há probabilidade de que os ativos de uma empresa (sejam, pessoas, informações, infraestruturas, produtos, imagem, reputação etc.) sejam alvo de um ataque bem-sucedido, gerando perdas ou danos à organização empresarial. De forma geral esses riscos podem ser classificados em riscos: internos, externos, tecnológicos e de imagem.

Riscos Internos

Os riscos internos são aqueles decorrentes de ações realizadas por colaboradores da própria empresa, evolvem empregados e prestadores de serviço da organização. Esses riscos podem ser bastante prejudiciais e comprometer a segurança empresarial como um todo.

Dentre os principais tipos de riscos internos, podemos destacar:

  • Furto: trata-se da subtração de bens ou recursos da empresa sem a devida autorização ou conhecimento. É diferente do roubo, pois não envolve violência ou ameaça.
  • Fraude: é a manipulação de informações ou documentos com o objetivo de obter vantagens indevidas. Pode ocorrer em diversas áreas, como financeira, contábil, de compras, entre outras.
  • Sabotagem: consiste em ações que visam prejudicar o funcionamento da empresa, como danificar equipamentos, alterar processos ou interromper a produção.
  • Espionagem: refere-se à obtenção de informações confidenciais da empresa por meio de métodos ilícitos, como a interceptação de comunicações ou o acesso indevido a documentos.
  • Vazamento de informações confidenciais: ocorre quando informações sigilosas são compartilhadas indevidamente, colocando em risco a segurança da empresa e de seus clientes.
  • Chantagem: consiste em ameaças ou pressões exercidas sobre a empresa ou seus colaboradores com o objetivo de obter vantagens indevidas.
  • Engenharia social: é a manipulação psicológica de pessoas para obtenção de informações ou acesso a sistemas ou locais restritos.
  • Consumo de substâncias proibidas: pode afetar a capacidade de trabalho e a segurança do ambiente empresarial.
  • Acidentes: podem ser causados por falhas operacionais, falta de treinamento ou equipamentos inadequados.

Todos esses tipos de riscos internos podem ser minimizados ou evitados com a adoção de medidas de segurança apropriadas, bem como com o treinamento e conscientização dos colaboradores quanto à importância da segurança empresarial.

Riscos Externos

Os riscos externos referem-se a ameaças que surgem fora da empresa e que não estão sob o controle direto da organização. Eles podem ser causados por fatores externos imprevisíveis, como criminosos, crises políticas ou eventos climáticos extremos.

Os riscos externos também podem incluir ações maliciosas de terceiros, como invasões, sabotagem, terrorismo, assaltos, entre outros. Esses eventos podem causar danos significativos à reputação da empresa, resultando em perda de receita e impactando negativamente o valor de mercado da empresa.

Dentre os principais tipos de riscos externos, podemos destacar:

  • Roubo/assalto: consiste na apropriação indevida de bens ou recursos da empresa mediante emprego de violência ou ameaças as pessoas envolvidas.
  • Engenharia social: é a manipulação psicológica de pessoas para obtenção de informações ou acesso a sistemas ou locais restritos.
  • Espionagem: refere-se à obtenção de informações confidenciais da empresa por meio de métodos ilícitos, como a interceptação de comunicações ou o acesso indevido a documentos.
  • Sequestros: podem envolver a captura de funcionários ou executivos da empresa, geralmente para fins de extorsão.
  • Invasões: ocorrem quando pessoas não autorizadas entram nas instalações da empresa. Eles podem ser feitos por criminosos, concorrentes, ativistas ou até mesmo ex-funcionários insatisfeitos.
  • Terrorismo: é um ato violento destinado a causar medo e terror. As empresas podem ser alvo de ataques terroristas por causa de sua importância econômica, política ou social.
  • Manifestações: ocorrem quando grupos de pessoas se reúnem publicamente para expressar suas opiniões sobre um determinado assunto. Manifestações podem ser pacíficas ou violentas e podem afetar as operações normais da empresa.
  • Desastres naturais: como terremotos, enchentes, furacões e incêndios podem ter um impacto significativo na segurança empresarial, causando danos às instalações da empresa e colocando em risco a segurança dos funcionários e clientes.
  • Crises políticas: podem ter um impacto significativo nas operações comerciais de uma empresa. As crises políticas podem levar a instabilidade social, aumento da violência e deterioração das condições econômicas, o que pode afetar negativamente a segurança empresarial.

As empresas devem estar preparadas para lidar com esses riscos externos implementando medidas de segurança e treinando seus funcionários para lidar com essas situações imprevisíveis. Além disso, as empresas devem ter um plano de continuidade de negócios para lidar com essas situações de emergência e minimizar o impacto em seus negócios e reputação.

Riscos Tecnológicos

A evolução tecnológica trouxe muitas facilidades para o mundo empresarial, no entanto, com ela, também vieram novos riscos que podem afetar a segurança das empresas. Os riscos tecnológicos são aqueles relacionados a possíveis ameaças cibernéticas, falhas de segurança e outros tipos de ataques virtuais.

Um dos principais riscos tecnológicos é o ataque cibernético, que pode ser definido como a tentativa de invasão de sistemas computacionais, redes ou dispositivos para roubo de informações ou para causar danos ao sistema. Esses ataques podem ser realizados por hackers, criminosos virtuais ou até mesmo por ex-funcionários que têm acesso aos sistemas da empresa.

Para minimizar os riscos tecnológicos, as empresas devem adotar medidas de segurança robustas, como a implementação de firewalls, antivírus e softwares de detecção de ameaças. Além disso, é importante realizar backups regularmente para evitar perda de dados em caso de ataques cibernéticos. A conscientização dos funcionários também é fundamental, pois muitos ataques são realizados por meio de técnicas de engenharia social.

Riscos de imagem

Os riscos de imagem são aqueles que afetam a reputação e a imagem da empresa, podendo prejudicar sua imagem junto aos clientes, fornecedores e investidores. Esses riscos podem ter impactos significativos nas operações da empresa e em sua relação com o mercado.

Definir a imagem de uma empresa é algo subjetivo, por isso, os riscos que envolvem a imagem também são bastante amplos e variados. Eles podem ocorrer por diversos motivos, como escândalos, denúncias, processos judiciais, polêmicas, boicotes e manifestações, e podem estar relacionados tanto à conduta da empresa quanto a produtos e serviços oferecidos.

Por exemplo, um escândalo de corrupção envolvendo altos executivos da empresa pode gerar uma grande repercussão negativa na mídia e, consequentemente, afetar a imagem da empresa. Da mesma forma, um problema de segurança em um produto pode gerar uma onda de críticas e boicotes nas redes sociais, comprometendo a reputação da empresa.

Por isso, é fundamental que as empresas adotem medidas de prevenção e gestão de crises para minimizar os riscos de imagem. Ações como monitoramento das redes sociais, comunicação transparente e ágil, e a adoção de práticas éticas e sustentáveis podem ajudar a prevenir riscos de imagem e preservar a reputação da empresa.

Como Prevenir e Mitigar o Principais Riscos de Segurança Empresarial

A segurança empresarial é uma questão crucial para o sucesso e a continuidade das operações de uma organização. Como vimos nos tópicos anteriores, há diversos tipos de riscos que podem afetar a segurança empresarial, tais como riscos internos, externos, tecnológicos e de imagem.

Para prevenir e mitigar esses riscos, é necessário adotar algumas medidas específicas como:

  • Avaliação de riscos – o primeiro passo para prevenir e mitigar os riscos é avaliá-los. É importante que a empresa realize uma avaliação minuciosa dos riscos que podem afetá-la, levando em consideração as particularidades do seu negócio e do ambiente em que está inserida.
  • Definição de medidas de segurança – Com base na avaliação de riscos é possível definir quais medidas de segurança devem ser adotadas pela empresa. Essas medidas devem ser específicas para cada tipo de risco identificado e devem ser adequadas às particularidades do negócio. Algumas das medidas que podem ser adotadas incluem a instalação de sistemas de segurança, como câmeras e alarmes, e a implementação de políticas de segurança.
  • Implementação de medidas de segurança – Uma vez definidas as medidas de segurança, é importante implementá-las de maneira efetiva. Para isso, é necessário contar com o suporte de profissionais especializados em segurança empresarial, que podem ajudar na implementação e na configuração de sistemas de segurança.
  • Treinamento de funcionários – Os funcionários são parte fundamental na segurança empresarial. Por isso, é importante que a empresa promova treinamentos específicos para que eles estejam preparados para identificar e lidar com possíveis riscos. Os treinamentos podem incluir simulações de situações de risco, orientações sobre a importância de manter senhas seguras e proteger informações confidenciais, além de medidas para prevenir a engenharia social.

A prevenção e mitigação de riscos não podem ser feitas isoladamente. É importante ter uma cultura de segurança na empresa, em que todos os funcionários sejam treinados e conscientizados sobre a importância da segurança empresarial.

Principais Riscos de Segurança Empresarial

7.Conclusão

A segurança empresarial é um tema cada vez mais relevante no mundo dos negócios, uma vez que os riscos podem comprometer a estabilidade e a continuidade das empresas. Neste artigo, destacamos os Principais Riscos de Segurança Empresarial, incluindo riscos internos, externos, tecnológicos e de imagem.

Para prevenir e mitigar esses riscos, é importante que as empresas identifiquem os riscos, avaliem suas vulnerabilidades, definam medidas de segurança, implementem essas medidas e realizem treinamentos com seus funcionários. Investir em segurança empresarial é fundamental para garantir a proteção do patrimônio da empresa, preservação de sua imagem, prevenção de perdas financeiras e garantia da continuidade do negócio.

Se você quiser saber mais sobre o assunto leia o meu artigo sobre O que é, definições, e o que faz a Segurança Empresarial.

Você Gostou do Artigo?

Se você gostou do artigo e/ou se ele foi útil para você deixe seu comentário logo abaixo e compartilhe suas opiniões conosco, contribua para enriquecer o conteúdo do artigo. Sua opinião é muito valiosa!

Aqui no Blog escrevo frequentemente artigos relacionados à Segurança privada e Gestão organizacional, visando sempre agregar conhecimento para os leitores, buscando o desenvolvimento profissional de forma que possam obter sucesso nas suas carreiras. Não perca nenhuma atualização importante!

Inscreva-se na nossa newsletter e outros dos nossos meios de aviso e seja um dos primeiros a saber das novidades.

Obrigado por ter dedicado seu tempo para leitura deste artigo! Espero que ele contribua com seu aprimoramento pessoal e profissional.

Forte abraço e sucesso!

José Sérgio Marcondes – CES
Especialista em Segurança Empresarial
Consultor em Segurança Privada
Diretor do IBRASEP

Leia também…

Sugiro a leitura dos artigos a seguir como forma de complementar o aprendizado desse artigo.

O que é, Definições, O que faz a Segurança Empresarial?

Gestor de Segurança Empresarial: Perfil e Responsabilidades

Dados para Citação Artigo

MARCONDES, José Sérgio (25 de abril de 2023). Saiba quais são os Principais Riscos de Segurança Empresarial. Disponível em Blog Gestão de Segurança Privada: – Acessado em (inserir data do acesso).

"? Fique por Dentro! Junte-se ao Nosso Grupo de WhatsApp!

Quer ser o primeiro a receber todas as atualizações do nosso blog? Então, não perca tempo! Junte-se ao nosso Grupo de WhatsApp agora mesmo e esteja sempre atualizado(a) com as últimas postagens.

Sobre o Autor

José Sergio Marcondes
José Sergio Marcondes

José Sergio Marcondes é formado em Gestão de Segurança Privada e possui MBA em Gestão Empresarial e Segurança Corporativa. É especialista em Segurança Privada, certificado com CES (Especialista em Segurança Empresarial) e CPSI (Certificado Profissional em Segurança Internacional). Atualmente, atua como consultor e diretor do IBRASEP, trazendo uma notável expertise em segurança, além de possuir sólidos conhecimentos nas áreas de gestão empresarial Com mais de 30 anos de experiência na área de segurança privada, acumulando resultados relevantes nas áreas operacionais, administrativas e comerciais.

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


  1. Olá Paulo Samuel!
    Obrigado pelo seu comentário.
    Forte abraço e sucesso!

Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.